Bloqueio na emissão de green cards leva agência de imigracão a pedir ajuda financeira ao Congresso

A Ordem Executiva que bloqueia por 60 dias a emissão de green cards registra o primeiro efeito colateral: falta de fundos no caixa da agência de imigração, que depende em grande parte das taxas de serviços cobradas pela USCIS para financiar suas operações funcionais.

A queda de pedidos de green cards, de cidadania e outros serviços foi vertiginosa e levou a  USCIS a pedir US $ 1,2 bilhão ao Congresso para reforçar o fluxo de caixa. A agência também irá implementar novo aumento nas taxas de serviços para se manter à tona.

“Devido à pandemia de Covid-19, os EUA teve uma queda drástica na receita ”, disse um porta-voz da USCIS, acrescentando que seus recebimentos podem despencar mais de 60% até o final do atual ano fiscal, que termina em 30 de setembro.

Sem a injeção de US $ 1,2 bilhão do Congresso, a agência teria que suspender suas operações em quatro meses, segundo projeção do órgão.

A agência planeja impor uma “sobretaxa” de 10% nos aplicativos, além dos aumentos propostos anteriormente, que deve entrar em efeito nos próximos meses.

Kenneth T. Cuccinelli II, um linha-dura de imigração que está no comando da USCIS, enfatizou a defesa das leis de imigração sobre a concessão de vistos e cidadania como missão da agência. “Nós não somos uma agência de benefícios, somos uma agência de verificação”, disse ele.

No verão passado, Cuccinelli anunciou uma regra de “cobrança pública” que negava os green cards aos imigrantes se eles fossem considerados propensos a usar programas de benefícios do governo, como vale-refeição e moradia subsidiada, uma ação que, acredita-se, impede muitas pessoas de se candidatarem. O motivo: solicitar a residência permanente legal por si só pode ser considerado um fator negativo pelos agentes de imigração ao determinar se uma pessoa pode se tornar uma acusação pública.

Alguns críticos disseram que a agência estava mal preparada para o choque econômico da pandemia de coronavírus por causa de políticas que tornaram seu processo de adjudicação menos eficiente e incharam sua folha de pagamento.

Desde que o presidente Trump assumiu o cargo, a agência, por exemplo, reforçou os recursos dedicados à detecção de fraudes, além de adicionar novos requisitos para entrevistas pessoais para centenas de milhares de solicitantes de green card baseados em emprego e casamento.

Também está retornando um grande número de solicitações de visto com “pedidos de provas adicionais” de elegibilidade, que os adjudicatários devem rever novamente. Extensões para vistos H-1B, concedidas a trabalhadores qualificados já nos Estados Unidos, agora são revisadas a partir do zero, como se a pessoa fosse aplicar pela primeira vez.

No ano fiscal de 2016, a agência possuía 15.828 vagas, incluindo trabalhadores em período integral e contratados. Três anos depois, esse número havia subido para quase 18.866, um aumento de 19%.

Com informações do  NY Times. Leia mais no gazetanews.com.

Related Images:

[See image gallery at gazetanews.com]

O post Bloqueio na emissão de green cards leva agência de imigracão a pedir ajuda financeira ao Congresso apareceu primeiro em Gazeta News: O maior Jornal Brasileiro da Florida, nos EUA.

Fonte: Gazeta News