Com orçamento maior, Washington DC deve voltar ao Brasil

PANROTAS / Artur Luiz Andrade

Elliott Ferguson

Elliott Ferguson

SAN ANTONIO – O Turismo de Washington DC está buscando representação no Brasil uma vez mais. Antes da pandemia, o destino era representado pela Imaginadora. O presidente e CEO do órgão, Elliott Ferguson, em apresentação à imprensa no IPW 2023, em San Antonio, revelou que, por meio do programa Recovery District destinou mais US$ 20,7 milhões para a promoção do Turismo da capital americana, somando-se ao budget normal do órgão.

Com isso, Destination DC mira mais investimentos internacionais e vê no Brasil um dos principais mercados, ainda mais com a volta da ligação aérea direta da United Airlines, Washington-São Paulo, diária e que retornou em março, depois da interrupção na pandemia. Atualmente, o destino tem representação somente na Europa, Índia, China, Austrália e Nova Zelândia. Não há escritório na América Latina.

Ferguson e o time do Turismo de DC querem derrubar conceitos errados sobre a cidade que ainda existem em muitos potenciais visitantes, como que é um destino somente ligado ao governo, que não tem espaços verdes, que a comida não é atraente, que é difícil de se locomover entre as atrações e que só há um museu Smithsonian. Tudo equivocado.

PANROTAS / Artur Luiz Andrade

United Airlines voltou a voar Washington-São Paulo

United Airlines voltou a voar Washington-São Paulo

EVENTOS EM DC

Uma das formas de quebrar essas barreiras é por meio dos eventos, e DC está repleto deles, para todos os públicos, como é a própria cidade.

Já em junho (de 2 a 11) ocorre o Capital Pride, uma série de eventos pelo orgulho LGBTQIA+. Em julho, a celebração da independência americana, no dia 4, tem seu show de fogos mais icônico na capital. No dia 19 de julho, Washington recebe o All-Star Game da Liga de Futebol, com o DC United contra o Arsenal. A semana inteira tem eventos ligados ao futebol, incluindo uma fanfest.

No dia 28 de agosto, o histórico discurso “I Have a Dream/Eu Tenho um Sonho”, de Martin Luther King Jr. completa 60 anos, coincidindo com uma nova série de espaços e exposições inclusivas no National Mall.

O DC JazzFestival é a pedida de 30 de agosto a 3 de setembro e em 2024, o ano começa com o National Cherry Blossom Festival (de 20 de março a 14 de abril). Para 2025, DC receberá a WorldPride, de 23 de maio a 8 de junho.

O destino, segundo o CEO da Destination DC, está com US$ 9,6 bilhões em investimentos em curso, incluindo 16 novos hotéis, tem o museu de arte mais visitado dos EUA (a National Gallery of Art), 24 restaurantes com estrela Michelin (e um guia exclusivo da marca para a cidade) e mais de 225 quilômetros de ciclovias e trilhas.

Saiba mais em Washington.org.

A PANROTAS viajou a convite da US Travel Association, com proteção GTA e voando United Airlines

Fonte: PANROTAS