Eliminada obrigatoriedade de extensão a turista com pedido de visto de estudante

Nova medida adotada pelo USCIS facilita a vida de pessoas que solicitaram visto de estudante

 

Fica suspensa a necessidade de pessoas que solicitaram mudança de status – COS – para estudante – F1 – ter que alterar ou estender sua condição de turista. A nova medida foi anunciada nesta terça-feira pelos “Serviços de Cidadania e Imigração” (USCIS)

 

Da Redação

Com as novas estratégias do governo Joe Biden em eliminar burocracias e facilitar o indivíduo em legalizar o seu status nos EUA, as novas medidas adotadas pelos “Serviços de Cidadania e Imigração” (USCIS), definem essas facilitações. Foi anunciada nesta terça, uma nova orientação política, e, a partir de agora, fica suspensa a necessidade de pessoas que solicitaram mudança de status – COS – para estudante – F1 – ter que alterar ou estender sua condição de turista.

Portanto, essa nova medida, anunciada pelo USCIS favorece os imigrantes que já se encontram nos EUA. A informação foi bem recebida pelos brasileiros que solicitaram mudança de status, eliminando de vez percalços, e isso significa uma luz no fim do túnel

De acordo com a política anterior, os candidatos precisavam estender ou renovar o status anterior, garantindo assim que eles não teriam uma “lacuna” de status enquanto durasse o processo.

Segundo comunicado do USCIS, “para evitar uma ‘lacuna’ no status, o USCIS concederá a mudança de status para F-1 com efeito no dia em que aprovarmos o Formulário I-539 de um candidato (Application to Extend/Change Nonimmigrant Status).”

Entretanto, segue o comunicado, não será permitido violações: “Se aprovarmos uma inscrição mais de 30 dias antes da data de início do programa do aluno, este deve garantir que não violará seu status F-1 durante esse período. Um exemplo de violação seria o emprego, incluindo emprego no campus, mais de 30 dias antes da data de início do programa, conforme listado no Formulário I-20”, alertou a agência.

Com isso, a nova política reduzirá a carga de trabalho e os custos tanto para os candidatos quanto para a USCIS. A agência está revisando as instruções do Formulário I-539 para refletir essas alterações.

 

Serviço

Para obter mais informações, consulte o site oficial;

https://www.uscis.gov

 

 

 

 

Fonte: Nossa Gente

Comentários Facebook