Austrália reabrirá para viajantes vacinados do mundo todo

O primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison, anunciou na segunda-feira (7) que o país reabrirá suas fronteiras para viajantes internacionais do mundo inteiro. Aqueles que já tiverem um visto válido poderão viajar a partir do dia 21 de fevereiro, desde que estejam completamente vacinados contra a Covid-19.

O site do governo australiano especifica que o comprovante de vacinação deve estar em inglês, digitalizado ou em papel, e conter: nome completo correspondente ao do passaporte, data de nascimento, nome da vacina e data de recebimento das doses. Dessa forma, o documento emitido em inglês através do Conecte SUS (veja o passo a passo aqui) deve ser o bastante.

A segunda dose ou dose única, no caso da Janssen, deve ser tido administrada há pelo menos sete dias. Serão aceitos os imunizantes da Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Coronavac, Moderna Sputnik, Sinopharm e Novavax. As crianças de menos de 12 não precisam estar vacinadas.

Porém, todos os viajantes com mais de cinco anos devem apresentar resultado negativo para um teste do tipo RT-PCR, feito no máximo 72 horas antes do embarque no primeiro voo internacional.

Os estados de New South Wales, Victoria, Queensland, Tasmânia e South Australia já não exigem mais quarentena de pessoas completamente vacinadas que chegam do exterior. Porém, alguns estados ainda exigem que as crianças de 12 a 17 anos não vacinadas cumpram um período de isolamento após a chegada.

Continua após a publicidade

A Austrália já vinha diminuindo as suas restrições desde novembro de 2021, quando reabriu para alguns países vizinhos e autorizou a entrada de pessoas que tivessem vistos de estudo ou de trabalho válidos. No site do governo australiano é possível conferir as regras de entrada e as restrições vigentes em cada estado.

Ainda não há uma previsão de quando serão retomados os serviços de emissão de vistos novos e de renovação dos documentos que tinham sido concedidos antes do início da pandemia.

Leia tudo sobre Austrália

Busque hospedagem na Austrália

Resolva sua viagem aqui

Continua após a publicidade
Publicidade

Fonte: Viagem e Turismo