Permanência após o prazo nos EUA ultrapassa entrada ilegal pela fronteira

Pelo sétimo ano consecutivo, a permanência após o prazo de expiração do visto temporário em território americano ultrapassou a entrada ilegal pela fronteira com o México.

Os dados são de um estudo feito pelo Centro de Estudos Migratórios de Nova York divulgado na última semana.

De acordo com o estudo, o número de pessoas que ultrapassaram o tempo do visto foi bem maior que o número de imigrantes que atravessaram ilegalmente a fronteira do México com os EUA.

Os dados levantados indicam que, entre 2016 e 2017, 62% dos novos imigrantes indocumentados entraram pelo aeroporto e passaram do tempo de permanência previsto no visto e 38% entraram ilegalmente pelo México.

Além disso, houve diminuição geral no número de indocumentados nos últimos anos, de acordo com Robert Warren, demógrafo e pesquisador sênior do Center for Migration Studies.

Para os pesquisadores, o argumento público original proposto por Donald Trump para a construção de um muro ao longo da fronteira foi a preocupação com a migração ilegal em larga escala do México. No entanto, Warren observa em seu relatório: “De 2010 a 2017, a população indocumentada do México caiu em impressionantes 1,3 milhão”.

Detenção de família na fronteira aumenta e compreende 30% das apreensões do CBP

“Chegar por via aérea e ultrapassar os vistos temporários tem sido a principal forma de entrar na população não documentada dos EUA durante todo o período de sete anos coberto por este relatório de imigração.

No ano fiscal de 2017, o CBP [Alfândega e Proteção de Fronteiras] registrou o menor nível de migração ilegal transfronteiriça já registrada, conforme medido por apreensões ao longo da fronteira e inadmissíveis nos portos de entrada dos EUA, segundo um relatório do DHS divulgado em dezembro de 2017.

As apreensões da Patrulha de Fronteira ao longo da fronteira Sudoeste no ano fiscal de 2018 foram o 5º nível mais baixo de entrada ilegal registrado nos últimos 46 anos, indicam os dados do CBP.

Trump promete facilitar “caminho para a cidadania” para portadores do visto H-1B

Ou seja, os dados não confirmam uma imagem de um número crescente de imigrantes não autorizados nos Estados Unidos e que entram pela fronteira sul, como insiste o presidente. “Enquanto o presidente concentrou a atenção da nação no muro fronteiriço, meio milhão de residentes indocumentados do México deixaram a população indocumentada só em 2016, mais de três vezes o número que chegou naquele ano, levando a uma redução geral de quase 400.000 indocumentados residentes do México de 2016 a 2017″, destaca Warren no relatório. Com informações da Forbes.

Leia também

Mais pessoas ficam com visto vencido do que entram ilegalmente nos EUA, diz estudo

O post Permanência após o prazo nos EUA ultrapassa entrada ilegal pela fronteira apareceu primeiro em .

Fonte: Gazeta News