Trabalhadores, não importando o status, têm direitos conforme departamento de trabalho americano

O Departamento do Trabalho dos EUA busca aumentar a conscientização sobre o estabelecimento de locais de trabalho seguros e justos em New Jersey como parte da Semana dos Direitos do Trabalho, que ocorre de 30 de agosto a 3 de setembro.

Em nota, o departamento disse que, todos os dias, milhões de trabalhadores vulneráveis ​​vão para empregos em que enfrentam condições perigosas ou injustas desnecessariamente. Por exemplo, observa ele, os operários da construção não recebem os equipamentos de proteção individual necessários e, por isso, sofrem ferimentos ou mortes.

Além disso, em outros casos, os trabalhadores de restaurantes, por exemplo, são orientados a fazer horas extras sem remuneração. Os trabalhadores do setor de confecções são pagos por cada peça que costuram, mas esses salários estão abaixo do salário mínimo federal, entre outros pontos, diz o departamento.

A agência observou que muitos trabalhadores não conhecem seus direitos porque seus empregadores não lhes forneceram essas informações ou não as forneceram em um idioma que eles entendem. Alguns têm medo de falar abertamente por medo de perder o emprego ou de serem deportados.

Durante a Semana dos Direitos Trabalhistas, de 30 de agosto a 3 de setembro, o Departamento do Trabalho do país lembra aos trabalhadores em New Jersey que eles têm o mesmo direito a um local de trabalho seguro e salários justos, bem como o direito de relatar possíveis violações sem retaliação. Isso porque as proteções de emprego se aplicam a todos, independentemente do status de imigração.

A Administração de Segurança e Saúde Ocupacional do Departamento de Trabalho dos EUA, a Divisão de Salários e Horas e o Escritório de Assuntos Internacionais do Trabalho se uniram a agências federais e estaduais, embaixadas e defensores dos trabalhadores para transmitir essa mensagem àqueles que mais precisam.

Muitos trabalhadores imigrantes desempenharam tarefas essenciais durante a pandemia de COVID-19.

É importante que eles tenham acesso significativo a informações sobre seus direitos, pois trabalham diligentemente durante esses tempos difíceis. Também é importante que os empregadores entendam suas responsabilidades e cumpram suas obrigações. A agência está empenhada em trabalhar em conjunto por meio da educação e assistência de conformidade.

As pessoas podem aprender com esses recursos em diferentes idiomas, como espanhol, e como participar em dol.gov/LaborRightsWeek. Para espanhol acesse https://www.dol.gov/general/topic/spanish-speakingtopic.

Fonte: Brazilian Press

Comentários Facebook