Baixa natalidade é sinal de alerta para o governo Biden

Por Kris lee*

O presidente Joe Biden quer restaurar as oportunidades de trabalho para estrangeiros, principalmente em relação aos vistos de qualificação profissional ou H1b. Diferentemente do seu antecessor, o democrata quer que a América resgate a sua relação próspera com os imigrantes, desde que esses sejam qualificados e possuam capacidade de empreender e investir, contribuindo para o reaquecimento da maior economia do mundo. 

E entre as possibilidades de entrar legalmente no país está a aplicação do visto EB-2, que é um dos mais cobiçados por graduados e empresários que pretendem imigrar legalmente para os Estados Unidos. Entretanto, advogados especialistas em Direito Internacional que atuam diretamente com processos de imigração, fazem um importante alerta para quem deseja iniciar uma nova vida, de forma legal, nos Estados Unidos, e não buscar informações de forma aleatória.

Vídeos que são publicados na internet não explicam em detalhes como ocorre o processo de concessão de vistos, especialmente como são os procedimentos consulares, embaixada ou até mesmo aqueles que são protocolados diretamente junto ao Serviço de Cidadania e Imigração dos EUA, denominado de USCIS.

E para quem deseja fazer tudo de forma correta, o governo Biden promete novidades que são fundamentais para quem vai começar um processo migratório.  A advogada Kris Lee, sócia fundadora da LeeToledo PLLC, escritório especializado em Imigração, com unidades em Washington-DC e Miami, explica que a administração do presidente democrata vai tornar mais acessível a concessão de certos vistos. 

Um dos fatores que motivaram a iniciativa vem da preocupação em relação à taxa de natalidade do país, que está abaixo dos 25%. “Os Estados Unidos precisam de novos imigrantes. A população com idade laboral também está diminuindo, o que pode trazer uma série de impactos como a diminuição do pagamento da segurança social, pensão, captação de recursos internos, retração do PIB e também em diversas áreas como a saúde. Por isso, e também por diversas questões, o momento é ideal para aplicação de vistos de habilidades extraordinárias ou de investimentos”, destaca Kris Lee.

Mais agilidade no USCIS 

Desde o mês de maio, os agentes da USCIS têm permissão para simplificar as solicitações, ou seja, o que um operador decidiu não pode ser alterado, o que torna o processo muito mais rápido. “Se um solicitante tem um processo protocolado, e já houve uma decisão determinada por um agente, o próximo que tiver acesso aos documentos para uma eventual análise, deve manter essa mesma decisão. A prorrogação de um visto J ou H, por exemplo, também terá essa facilidade”, aponta a advogada de imigração. 

Isso significa que muitos processos serão simplificados porque a renovação vai ocorrer mediante critérios muito mais simples impactando, de forma considerável, no tempo de tramitação como um todo, diferente do que houve na era Trump com o USCIS durante a pandemia, em comparação ao ano passado.

Por isso, o desejo do presidente democrata Joe Biden é colocar essa situação em ordem e uma certa flexibilização. “Mas essa vontade não pode ser confundida com ‘venham que todos serão sustentados’. Claro que isto está longe de acontecer. O país precisa de pessoas que tenham qualificação, formação, capacidade de empreender e de investimento. Todo lugar que abre oportunidade para imigrantes leva em consideração esses itens, ou seja, é preciso que exista uma troca”, pontua a advogada.

A América abraçará a sua missão como nação de boas-vindas aos imigrantes. A chefe de gabinete do USCIS afirma que a intenção é abrir as portas para aquelas pessoas que têm capacidade e não para quem entra ilegalmente ou fica como overstay. A ideia é simplificar a forma de aplicação dos vistos tornando a análise processual mais ágil, o que é bom para todos, seja para o próprio aplicante ou para o país. 

Outro ponto positivo citado por Kris é em relação ao limite de solicitações de esclarecimento que ocorrem durante um processo. É normal ocorrerem uma ou duas, mas há casos de três, e depois de muito tempo, entre seis meses e um ano, são solicitadas outras pedindo uma atualização de documentos. 

Tempo de processamento do Visto EB-2 NIW 

De acordo com a advogada sócia da LeeToledo PLLC, o tempo de processamento de vistos EB-2 pode variar entre 10 e 18 meses. “Tive casos em que consegui algumas pessoas aprovadas com menos de 10 meses.”, detalha.

Para conquistar o visto desejado, a especialista explica que é fundamental demonstrar o nível de formação educacional, experiência, conhecimento e habilidades que verdadeiramente justifiquem a isenção de interesse nacional. “É preciso trabalhar em estreita colaboração com um advogado experiente e licenciado, dentro dos Estados Unidos, para ajudar a traçar a melhor estratégia para a proposta de empreendimento”, destaca.

A advogada ainda ressalta a necessidade de demonstrar como o aplicante vai contribuir para os Estados Unidos, seja abrindo um negócio próprio, prestando serviços de consultoria, engenharia e construção, saúde mental ou na área médica. 

Ela cita como um dos casos de sucesso do escritório a aprovação de visto para os sócios de uma indústria de vaporizadores e inaladores brasileiros. “Qualquer que seja o conjunto de habilidades ou a profissão, se o aplicante for elegível e o advogado tiver experiência para elaborar uma proposta de empreendimento que tenha o mérito substancial, as chances de garantir a aprovação para o EB-2 NIW aumentam”, estima.

A sócia do escritório de Advocacia LeeToledo PLLC ainda recomenda aos postulantes ao visto EB-2 NIW recorrerem a um advogado especializado e com experiência comprovada. “A petição feita para um engenheiro de software é muito diferente da solicitada para um administrador de empresas ou um profissional do setor financeiro, de modo que é preciso conhecer bem a documentação a ser produzida”, orienta Kris.

Demais vistos 

Kris Lee explica que o momento também é ideal para solicitar outros tipos de vistos. Pedidos de E2, L1, EB1, EB5, H1B, H2B, vistos temporários de trabalho, autorizações de trabalho, processos de cidadania, processos de Green Card dos mais diversos seja de casamento ou outros estão em alta e não pararam por conta da pandemia. “Nosso escritório está apto a atender todas as necessidades de nossos clientes nas questões de imigração tanto junto à USCIS quanto junto aos Consulados e Embaixadas”, explica a advogada. 

A produção de conteúdo jurídico também é outro diferencial ressaltado pela advogada especialista em Imigração para os Estados Unidos. 

*Managing Partner and Practicing Attorney Y. Kris Lee (licensed in DC and NY) of LeeToledo PLLC exclusively practices immigration law in the State of Florida • www.leetoledolaw.com • (305) 988-2283

Disclaimer: As informações neste artigo não são, nem se destinam a ser aconselhamento jurídico. Você deve consultar um advogado para obter conselhos sobre sua situação individual. Você pode entrar em contato conosco através de nossos e-mails ou telefones. O contato conosco não cria uma relação advogado-cliente. Nunca envie nenhuma informação confidencial até que uma relação advogado-cliente tenha sido estabelecida.

The post Baixa natalidade é sinal de alerta para o governo Biden first appeared on AcheiUSA. Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook