DeSantis assina lei que retira poder de autogoverno da Disney: ‘fim do reinado corporativo’

O governador Ron DeSantis deu a canetada final no projeto de lei que transfere para o estado da Flórida o controle do distrito fiscal especial que engloba a Walt Disney World e os parques temáticos de Orlando. “O reino corporativo finalmente chega ao fim”, falou DeSantis ao assinar a legislação nesta segunda-feira (27),em Lake Buena Vista. 

A medida põe fim a uma disputa que começou em março do ano passado, quando o CEO da Disney, Bob Chapek, foi acusado por DeSantis de tê-lo traído ao criticar a  polêmica lei Don’t Say Gay, que limita a discussão sobre questões LGBTQ+ nas escolas.

A área de 100 km² nos condados de Orange e Osceola foi concedida à empresa em 1960 e era chamada de Reedy Creek Improvement District. No local, a Disney tinha autonomia para cobrar impostos e pagar dívidas pendentes para cobrir o custo dos serviços. 

“Temos uma situação aqui que é basicamente indefensável do ponto de vista político”, disse DeSantis, acrescentando:”Como você dá a um parque temático seu próprio governo e depois trata todos os outros parques temáticos de maneira diferente? Acreditamos que essa não foi uma boa política.”

O local, agora, vai se chamar Central Florida Tourism Oversight District, e será controlado por uma comissão formada por cinco membros nomeados por DeSantis. Qualquer pessoa que tenha sido funcionário, executivo ou diretor de parque temático nos últimos três anos não pode integrar a comissão.

De acordo com dados do próprio governo, o Reedy Creek Improvement District  tem uma dívida de $ 1,18 bilhão em títulos, receitas de serviços públicos e impostos sobre propriedade. No ano passado, a Disney chegou a dizer que se o distrito especial for dissolvido, suas dívidas serão transferidas para a nova administração.  Para escapar de herdar o débito, DeSantis incluiu na lei uma cláusula que mantém a responsabilidades de quitar as dívidas com a empresa. 

A Walt Disney Co. ainda não se pronunciou sobre o assunto. Uma das maiores companhias de entretenimento do mundo, a Disney emprega cerca de 75 mil funcionários na Flórida e é uma dos principais motores da economia turística da região central do estado.

The post DeSantis assina lei que retira poder de autogoverno da Disney: ‘fim do reinado corporativo’ appeared first on AcheiUSA.

Fonte: AcheiUSA