Prefeito quer fechar distrito do lazer em South Beach por causa da violência

O prefeito de Miami Beach, Dan Gelber, disse na quarta-feira (25) que os recentes casos de violência registrados no South Beach Entertainment District, na Flórida, é um sinal trágico de que a área precisa acabar.

A declaração do prefeito foi dada após mais um homicídio bárbaro cometido à luz do dia chocar turistas e comerciantes que trabalham na área.

Imagens gravadas pela câmeras de segurança mostram o pedestre nas proximidades do Winter Haven Hotel, localizado na 14th St.,  correndo sob os disparos do atirador que dobrou a esquina e desapareceu na Ocean Drive.

Um dia antes, outro crime  chocou o estado da Flórida em um ataque aparentemente aleatório induzido pelo uso de drogas.

Tamarius Davis, 22, matou a tiros Dustin Wakefield, 21, na frente da esposa e do bebê de um ano da vítima, segundo reportou o Miami Beach Police Department. 

“Tinha uma pessoa jantando com sua família, inclusive com crianças. De repente, um homem veio e atirou três vezes. Foi uma situação caótica, gente correndo por todos os lados”, disse uma testemunha ao Local10News.

O atirador teria dançado sobre o corpo do homem caído no chão, conforme relataram as pessoas que presenciaram a cena.

Na internet, posts de turistas e frequentadores relatam a reputação de caos e crime que o distrito desenvolveu.

“Se vocês estão em Miami Beach, fiquem longe ..Eu estava andando de skate e barulhos de tiros simplesmente começaram em um hotel a menos de 50 pés de distância. Eu estou bem mas se você está aqui precisa ir embora”,  escreveu o skatista Zwë a seus quase 300 mil seguidores no Twitter.

O prefeito disse que o problema em South Beach não é falta de policiamento, mas o distrito em si.

“Nossa cidade não pode mais sustentar um distrito de entretenimento”, reforçou Gelber. “Isso simplesmente atrai muitas pessoas, muitos procurando confusão ou drogas.”

Durante uma entrevista ao Local10News, ele disse que somente no último final de semana foram realizadas mais de 150 prisões no local, a maioria envolvendo turistas.

Em julho, o prefeito chegou a sugerir toque de recolher e suspensão da venda de bebidas alcoólicas a partir de 2 a.m.

“Não precisamos do que temos agora”, disse, “peço aos meus colegas que sejam ousados e resistam ao impulso de fazer apenas mudanças incrementais”, completou .

Gelber não deu detalhes sobre como seria o plano de encerrar o South Beach Entertainment District, mas afirmou que está se comprometendo com um aumento substancial de policiais e que pedirá reforço à prefeita do condado de Miami-Dade, Daniella Levine Cava.

The post Prefeito quer fechar distrito do lazer em South Beach por causa da violência first appeared on AcheiUSA. Fonte: AcheiUSA

Comentários Facebook