ATENÇÃO: Newark faz lista das ruas que podem ficar inundadas após tempestades

Como o Serviço Nacional de Meteorologia emitiu um alerta de tempestade até as 20h de quarta-feira na área tri-estatal, o diretor de segurança pública de Newark, Brian A. O’hara, pediu aos residentes e motoristas que evitassem certas ruas que podem estar sujeitas a inundações repentinas.

Isso depois que Newark foi uma das cidades de New Jersey que sofreu mais enchentes durante as tempestades de fim de semana e vários motoristas ficaram presos em ruas inundadas e tiveram que ser resgatados.

A cidade recomenda que evitem as ruas abaixo durante e após chuvas intensas:

  • Clay Streete McCarter Highway
  • South Streete Van Buren Street
  • Calles Jefferson e Chestnut
  • State Streetpróximo da Broad Street
  • Calles Jabez e Backus
  • 357 Wilson Avenue
  • Manufacturers Place eHyatt Street
  • Magazine Streete Avenue L
  • Magazine Street e Amsterdam Street
  • Raymond Boulevarde Blanchard Street
  • Avenue Le Wilson Avenue
  • Wilson Avenuee Avenue K
  • Mary Street eAvenue L
  • Calles Ferry eFoundry
  • Hyatt Avenuee Wilson Avenue
  • South Streete Adams Street
  • South Street e Pulaski Street
  • South Street ePacific Street
  • South Street e Dawson Street
  • Pacific Street e Calumet Street
  • Pulaski Street eClifford Street
  • Jefferson Street eClifford Street
  • Van Buren Street e Clifford Street
  • Foundry Street e Roanoke Avenue
  • Foundry Street e Avenue P
  • Norfolk Street
  • OrangeStreet
  • NesbittStreet
  • McClellan Streete Runiak Avenue
  • McClellan Street e Frelinghuysen Avenue
  • Frelinghuysen Avenuee Peddie Street
  • Frelinghuysen Avenuee Noble Street
  • Noble Streete Meeker Avenue
  • Elizabeth Avenuee Meeker Avenue
  • Martin Luther King Blvd. e State Street
  • Martin Luther King Blvde Orange Street
  • Frelinghuysen Avenuee Passagem Subterrânea da Rota 22

O Departamento de Segurança Pública está coordenando respostas a alarmes contra roubo, condições de inundação e outros incidentes relacionados ao clima por meio do uso combinado de pessoal da Polícia, Bombeiros e Escritório de Gerenciamento de Emergências.

 

Fonte: Brazilian Press

Comentários Facebook