Youtuber brasileiro adquire direito de transmitir Copa do Mundo e bate record mundial da plataforma

O Youtuber brasileiro Casimiro Miguel, 29 anos, mais conhecido como Cazé, não integra a seleção, mas é uma das estrelas desta Copa do Mundo. Dono do canal Cazé TV, o jovem ganhou o direito de transmitir ao menos 22 partidas do mundila do Qatar, incluindo todos os jogos do Brasil, e se tornou o youtuber mais visto da história da plataforma. Além da Globoplay, que pertence às organizações Globo, apenas o Cazé TV está autorizado a transmitir os jogos aberta e gratuitamente no Brasil.

A oportunidade teria surgido quando a Globo, que tem direito exclusivo de transmitir os jogos, requereu uma redução dos valores que vinham sendo pagos à Fifa, desde 2012, para adquirir exclusividade na transmissão das Copas de 2018 e 2022. Na ocasião, a emissora alegou cortes de recursos por causa da pandemia da covid-19. A situação foi parar na Justiça, e as duas entidades só entraram em um acordo quando a Globo abriu mão da exclusividade na cota de streaming.

Nesta época, Casimiro era comentarista esportivo no canal de televisão SBT Sports Rio, de onde saiu para se dedicar exclusivamente à produção de conteúdo online. O carioca se tornou um fenômeno pela forma irreverente e descontraída de comentar diversos assuntos, que vão do futebol ao universo dos games.

Em janeiro de 2022, já batendo recordes com suas lives na plataforma Twitch, Cazé fechou uma parceria com a LiveMode, que tinha contrato com a Fifa para a venda de cotas regionais de patrocínio da Copa, e acabou adquirindo os direitos streaming da Copa do Mundo.

Já na estreia da seleção brasileira, Casimiro atingiu a marca de 3,8 milhões e superou a cantora Marília Mendonça, detentora de record até então. Na tarde desta segunda-feira, durante a transmissão do confronto entre Brasil e Suíça pela segunda rodada do mundial, o streamer bateu o seu próprio recorde ao ter mais de 4,2 milhões de visualizações simultâneas.

Fonte: AcheiUSA